PATROCINADORES

Ex-ministro depõe à PF após ferir atendente Gol com disparo acidental

Incidente ocorreu no Aeroporto Juscelino Kubistchek, em Brasília

O disparo acidental feito pela pistola do ex-ministro da Educação Milton Ribeiro feriu uma funcionária da companhia aérea Gol. O caso aconteceu na noite de quinta-feira (25), no aeroporto Juscelino Kubitschek, em Brasília. O ex-ministro foi conduzido à Superintendência da Polícia Federal em Brasília.

O disparo da arma de fogo aconteceu por volta das 17h, quando Milton Ribeiro estava no balcão da Latam. Em depoimento à Polícia Federal, o ex-ministro explicou que abriu a pasta que carregava e pegou a arma para retirar o carregador. Ele disse que tentou fazer o procedimento dentro da pasta para não expor a arma. Foi quando ocorreu o disparo acidental. O projétil perfurou o coldre, a pasta e atingiu o chão. Os estilhaços atingiram uma funcionária da Gol, que estava no balcão ao lado. Ela recebeu atendimento imediato.

“Como havia outros objetos dentro da pasta, o local ficou pequeno para manusear a arma”, disse para a PF. Segundo o depoimento, no momento do disparo havia apenas uma atendente da Latam perto. O ex-ministro acrescentou que, diante do fato, perguntou às pessoas próximas se alguém havia sido atingido, mas que nenhuma vítima apareceu.

O que MONEY REPORT publicou:

Compartilhe

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.