PATROCINADORES

Braço direito de Milton Ribeiro é nomeado interino no MEC

Victor Godoy Veiga é o quinto nome a ocupar o cargo no governo Bolsonaro. Ele é servidor de carreira como auditor federal na CGU desde 2004

Após o pedido de exoneração do ministro Milton Ribeiro na segunda-feira (28), Victor Godoy Veiga foi nomeado para assumir o Ministério da Educação de forma interina. A nomeação foi publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira (30), assinada pelo presidente Jair Bolsonaro (PL). Victor Godoy atuava como secretário-executivo da pasta do ex-ministro, acusado de participar de um esquema de corrupção envolvendo dois pastores acusados de cobrar propina de prefeitos em troca de liberação de recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Victor Godoy é o quinto nome a ocupar o cargo no governo Bolsonaro. Ele é servidor de carreira como auditor federal na Controladoria Geral da União (CGU) desde 2004 e atuou até ser convidado, em 2020, para assumir o cargo de secretário-executivo do MEC. O ministro interino é formado em Engenharia de Redes de Comunicação de Dados pela Universidade de Brasília (Unb) e tem pós-graduação em Altos Estudos em Defesa Nacional pela Escola Superior de Guerra (ESG).

O que MONEY REPORT publicou

Compartilhe

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.