Document
PATROCINADORES
PATROCINADORES

Nova cepa balança mercados globais

O Ibovespa fechou em forte baixa de 3,39% nesta sexta-feira (22), aos 102.224 pontos. Na semana, desvalorizou em 0,78%. O dólar subiu 0,55%, cotado a R$ 5,59 no encerramento, enquanto na semana houve uma queda de 0,23%. Em uma data importante para o varejo, a Black Friday, o temor de que a nova variante ômicron do coronavírus possa ser resistente às vacinas provocou afastamento dos ativos mais arriscados. Bolsas, câmbio, criptomoedas, juros futuros e preços de commodities, especialmente o petróleo, foram afetados. O minério de ferro na Bolsa de Dalian (China) recuou mais de 6% e os preços do petróleo aprofundam perdas. O barril do Brent caiu 8,92% a R$ 74,89. O WTI, um óleo mais pesado, amargou perdas de 10,33% a US$ 70,27. Isso impactou negativamente nos paéis de maior peso, Petrobras e Vale, que nos últimos dias ajudaram o Ibovespa a se reaproximar dos 106 mil pontos.

As maiores altas foram as da Suzano (0,15%) e as unit da Taesa (0,11%). As maiores baixas atingiram as preferenciais da Azul (-14.18%) e da Gol (-11,81%). Todas as cinco ações mais negociadas apresentaram depreciação: preferenciais da Petrobras (-3,88%), Vale (-2,64%), ordinárias da Petrobras (-4,36%), preferenciais do Bradesco (-4%) e PetroRio (-8,74%). O volume na sessão foi de R$ 27,20 bilhões.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.