PATROCINADORES

Juros e Petrobras impedem desempenho

O Ibovespa fechou em baixa de 0,17% nesta terça-feira (21), aos 99.684 pontos. O dólar caiu 0,63%, cotado a R$ 5,15 no encerramento. Enquanto os Estados Unidos se recuperam de uma semana de quedas, o índice brasileiro é puxado para baixo com as incertezas no entorno da Petrobras. A estatal entrou no radar político do governo, que bancou a abertura de uma CPI para diminuir de alguma forma o preço dos combustíveis. O peso político é ainda maior com outras frentes de interferência na petroleira, além da medida que limita o teto de ICMS que depende de sansão presidencial. Além disso, os investidores digerem a sinalização de que os juros param de subir em agosto, mas que ainda vão demorar cair.

As maiores altas foram da Qualicorp (6,68%) e WEG (4,98%). As baixas, Cogna (-4,76%) e Banco do Brasil (-4,1%). Das cinco ações mais negociadas, três apresentaram retração: preferenciais da Petrobras (-1,99%), Vale (0,66%), Eletrobras (0,8%), Banco do Brasil (-4,1%) e preferenciais do Itaú Unibanco (-1,06%). O volume negociado foi de R$ 22,73 bilhões.

Compartilhe

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.