Document
PATROCINADORES

Receio de gravação freia ofensiva do Centrão contra Luís Miranda

A coluna do Lauro Jardim, no jornal O Globo, relata que integrantes do Centrão, principalmente do PP, passaram a discutir a possibilidade de fazer uma representação contra o deputado federal Luís Miranda (DEM-DF) no Conselho de Ética da Câmara. O motivo seria a revelação feita na CPI da Pandemia de que o líder do governo na Casa, deputado Ricardo Barros (PP-PR), estaria envolvido em um suposto esquema para a compra da Covaxin e que o fato teria sido citado pelo presidente Jair Bolsonaro em uma conversa no Palácio da Alvorada, em 20 de março. Barros rebateu as declarações e negou qualquer interferência no processo de aquisição do imunizante. Uma eventual ofensiva contra Miranda, como um pedido de cassação, no entanto, está sendo tratada com cautela. O maior receio é que o parlamentar tenha gravado a reunião com Bolsonaro. “A gente tem como mostrar a verdade e de um jeito que vai ficar muito ruim para o presidente”, disse o deputado em uma entrevista ao Estadão. Sem a certeza sobre o que é real e o que pode ser blefe, a avaliação de momento do Centrão é de “não pagar para ver”.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.