Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

Moro vê adiamento de juiz de garantias como oportunidade para “correção de equívocos”

Moro vê adiamento de juiz de garantias como oportunidade para “correção de equívocos”

O ministro Sergio Moro (Justiça e Segurança Pública) comentou no Twitter a decisão do presidente do STF, ministro Dias Toffoli, de adiar por seis meses a implantação do chamado juiz de garantias. Crítico da iniciativa, que não estava na proposta original do pacote anticrime, Moro afirmou que o prolongamento do prazo para o Judiciário se adequar às novas regras permitirá uma discussão mais ampla para ajustes.

“Embora eu seja contra o juiz de garantias, é positiva a decisão do ministro Dias Toffoli de suspender, por seis meses, a sua implementação. Haverá mais tempo para discutir o instituto, com a possibilidade de correção de, com todo respeito, alguns equívocos da Câmara”, publicou.

Envie seu comentário

vinte − vinte =