Document
PATROCINADORES

Lava Jato lamenta decisão que concedeu liberdade a Temer

O procurador regional Leonardo Cardoso de Freiras, um dos integrantes da força-tarefa da Operação Lava Jato no Rio de Janeiro, reagiu à decisão do desembargador Antonio Ivan Athié, do Tribunal Regional Federal da 2ª Região, de mandar soltar o ex-presidente Michel Temer. “Lamento, sobretudo, diante do fato de que as razões para a decretação da prisão preventiva são robustas e consistentes”, disse Freitas ao jornal O Globo.

Por que é importante

A força-tarefa Lava Jato deve recorrer da decisão que concedeu liberdade ao ex-presidente Michel Temer

Quem ganha

Temer, que será solto

Quem perde

A Lava Jato, que sofre um novo revés

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.