Document
PATROCINADORES

Jantar de Bolsonaro com empresários serviu para criar algum diálogo

Em uma postagem de rede social, o médico Claudio Lottenberg comentou como transcorreu o jantar que participou ao lado do presidente Jair Bolsonaro e um seleto grupo de empresários, noite desta quarta-feira (7). Lottenberg é presidente do conselho do Hospital Albert Einsten e da Confederação Israelita do Brasil. O tema central foi a condução da pandemia e as medidas restritivas para conter as contaminações que afetam a economia. Pelo lado do governo, estavam os ministros da Economia, Paulo Guedes, da Saúde, Marcelo Queiroga, e o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto.

Um dos encarregados de discursar durante o encontro, Lottenberg defendeu seus pontos de vista e deixou claro no vídeo que possui discordâncias com o presidente, mas que a “beligerância exagerada” deve ser deixada de lado em nome da construção de algum diálogo. “Seria um absurdo não participar”, disse. Sobre a postura presidencial contrária a qualquer tipo de lockdown, Lottenberg disse ser legítima, “mas existe o que a ciência prega”.

Polido, o médico não citou as críticas e os palavrões que o presidente teria desferido ao seu adversário político, o governador João Doria, conforme veiculado na coluna da jornalista Monica Bergamo, no UOL. O jantar ocorreu na residência do empresário Washington Cinel, fundador da empresa de segurança privada Gocil, na região paulistana dos Jardins.

https://www.instagram.com/tv/CNZyZlsnIyQ/?igshid=1cblw05s2zeyf

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.