PATROCINADORES

“Decisão de Fux é desrespeitosa com o Parlamento”, afirma Maia

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), criticou a decisão do vice-presidente do STF, ministro Luiz Fux, de suspender por tempo indeterminado a implantação do chamado juiz de garantias. Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, Maia classificou a determinação de Fux como “desrepeitosa” e indicou que pode ser um mau sinal para os investidores.

“Eu acho que a decisão do ministro Fux é desnecessária e desrespeitosa com o Parlamento brasileiro e com o governo brasileiro, com os outros Poderes”, afirmou.

“Não podemos entrar em fevereiro com uma boa expectativa de crescimento, com o STF dando uma sinalização muito ruim para o Brasil e para os investidores estrangeiros no nosso país”, completou.

Por que é importante

Ao assumir o plantão do STF, o ministro Luiz Fux revogou a decisão do presidente da Corte, Dias Toffoli, que já tinha prorrogado a implantação do juiz de garantias por seis meses

Quem ganha

A nova determinação beneficia a ala pró-Lava-Jato, crítica da medida

Quem perde

O conflito entre os Poderes pode criar um clima de insegurança jurídica

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.