PATROCINADORES

Cesare Battisti é preso na Bolívia

A Polícia Federal confirmou que o ativista italiano Cesare Battisti foi preso neste sábado (12) na Bolívia. Battisti estava foragido desde 14 de dezembro quando o então presidente Michel Temer (MDB) assinou o decreto de sua extradição e o presidente do STF, ministro Dias Toffoli, determinou a sua prisão. O italiano foi capturado em Santa Cruz de La Sierra e não teria reagido. Ele usava óculos escuros e barba falsa. As autoridades discutem como será a extradição dele para a Itália. Ainda não está definido se ele será levado diretamente para o país europeu ou se será encaminhado antes ao Brasil.

Cesare Battisti foi condenado por quatro homicídios na Itália, cometidos quando integrava o grupo Proletariados Armados pelo Comunismo. Ele chegou ao Brasil em 2004, onde foi preso três anos depois. O governo italiano pediu a extradição de Battisti, que foi aceita pelo STF. Mas o ex-presidente Lula, no último dia de seu mandato, concedeu refúgio político ao ativista.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × cinco =

Pergunte para a

Mônica.