Document
PATROCINADORES

Warren e Vitra Capital anunciam fusão

A plataforma de investimentos digital Warren e a gestora de patrimônio Vitra Capital farão uma fusão que resultará em uma nova empresa com mais de R$ 20 bilhões em ativos sob gestão. Segundo Tito Gusmão (imagem), CEO da Warren, a meta para 2022 é ambiciosa: dobrar o volume de recursos sob responsabilidade da nova empresa. A casa também pretende quase dobrar sua base de clientes, de 250 mil para 400 mil contas. O anúncio foi feito nesta sexta-feira (15).

A nova operação ocorre pouco menos de um mês após a Warren anunciar a compra da corretora e distribuidora de títulos Renascença DTVM. A união com o “multi family office” Vitra adiciona R$ 12 bilhões ao guarda-chuva da fintech. A nova empresa deverá operar com tíquetes de investimento de R$ 100 a R$ 1 bi.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.