PATROCINADORES

Nike não venderá mais seus produtos na Amazon

Após dois anos de parceria, a Nike encerrou, nesta quarta-feira (13), seu acordo com a gigante Amazon. Com a decisão, a empresa não venderá mais seus produtos (sapatos e roupas) na plataforma digital. O anúncio da Nike coincide com um novo ciclo na empresa, após a nomeação de John Donahoe como diretor-executivo, há menos de um mês. A marca justificou a decisão alegando que busca melhorar a experiência do consumidor, pretendendo se relacionar com ele de forma direta e pessoal.

Por que é importante

A Nike está desafiando um modelo de negócios que aposta em parcerias com os gigantes digitais

Quem ganha

Wall Street foi receptiva ao anúncio da Nike. As ações da empresa subiram 1,20% logo após a informação circular

Quem perde

A Amazon, que perde uma grande parceira. Ontem, suas ações caíram 0,51%

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.