PATROCINADORES

Hábitos de baixo carbono; leite sustentável; Linkedin acionada

Boletim de MONEY REPORT sobre questões ambientais, sociais e de governança no mundo dos negócios

Quanto seu estilo de vida custa à natureza?

As emissões de gases de efeito estufa em 2022 provavelmente serão as maiores registradas, tornando as metas para limitar o aquecimento global até 2030 mais difíceis de alcançar. Contudo, de acordo com especialistas ouvidos pelo Financial Times, existem maneiras de contribuir por meio de escolhas de estilo de vida e ações para reduzir a pegada doméstica de carbono. Aqui estão os custos e economias dessas decisões. Há distorções em relação ao Brasil por causa da fonte energética em grande parte hidrelétrica adotada por aqui, mas a lógica é a mesma.

Nestlé descarboniza produção de leite

De olho na sustentabilidade, a Nestlé Brasil busca descarbonizar sua produção de laticínios para se tornar net zero até 2050, com metas intermediárias de redução de 20% até 2025 e 50% para 2030. Para tanto há um esforço em andamento há cerca de 15 anos, mas que agora ganha reforços com um projeto-piloto em fazendas em parceria com a consultoria estratégica de sustentabilidade WayCarbon e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). “Com o programa Boas Práticas nas Fazendas, iniciado há 15 anos, auxiliamos 1,5 mil produtores parceiros sobre como ter um leite de alta qualidade e segurança alimentar. Agora, evoluímos para um modelo de pecuária de baixo carbono que está sendo testado nas primeiras fazendas em busca do NetZero até 2025, para depois ser ampliado para todos os parceiros”, explica Bárbara Sollero, gerente de qualidade da empresa.

____________________________________

Informe Publicitário

______________________________________

Maersk terá 300 caminhões elétricos nos EUA até 2025

A gigante de logística marítima Maersk adicionará 300 caminhões elétricos à sua rede na América do Norte. Os veículos serão entregues entre 2023 e 2025 para uso da empresa em atividades de armazenamento, distribuição e transporte. Além disso, os veículos farão parte do sistema operacional de frete rodoviário digital da Einride. De acordo com o CEO do departamento de Ocean & Logistics, Vincent Clerc, a implantação é mais um passo para a descarbonização da empresa e do setor. “Nossos clientes buscam não só o conceito, mas ações tangíveis em cadeias de suprimentos sustentáveis. O pedido é um passo importante na construção de nossa base de descarbonização de ponta a ponta, além de abordar os desafios do transporte terrestre dos clientes.

Pague Menos cria projeto com emissão zero no delivery

A rede farmacêutica Pague Menos iniciou nesta semana um sistema de entregas em Fortaleza (CE) por meio de um tuk-tuk, um veículo elétrico que remete aos riquixás asiáticos motorizados. As entregas de produtos são feitas com veículos de emissão zero em um raio de até 5 quilômetros de unidade-piloto, na avenida da Abolição. Se der certo, o projeto será ampliado. Com cabine para transporte de mercadorias, o riquixá elétrico atuará todos os dias da semana, entre 8 e 21 horas, com recebimento em até 1 hora após o pedido. Um QR Code nas laterais do veículo dá acesso ao site da empresa, facilitando as compras online.

______________________________________

Informe Publicitário

______________________________________________

Walmart interrompe vendas de cigarros em lojas dos EUA
Walmart interrompe vendas de cigarros em lojas dos EUA - Money Report

A rede de hipermercados Walmart parou de vender cigarros em algumas unidades nos EUA após anos de debate interno. A decisão começou a valer nesta segunda-feira (28). Os mercados em que os cigarros estão sendo retirados incluem Califórnia, Flórida, Arkansas e Novo México. A empresa, com mais de 4,7 mil unidades nos EUA, está removendo produtos de tabaco de locais selecionados onde o varejista decidiu usar o espaço com mais eficiência, disse uma porta-voz. “Estamos sempre procurando maneiras de atender às necessidades de nossos clientes enquanto ainda operamos um negócio eficiente”, disse. Ela se recusou a dizer quantos locais continuarão a vender cigarros, mas garantiu que o Walmart não está interrompendo todas as vendas de tabaco.

ONGs pedem R$ 10 milhões ao LinkedIn por exclusão de vaga

A ONG Educafro (Educação e Cidadania de Afrodescendentes e Carentes), a Frente Nacional Antirracista e o Centro Santo Dias de Direitos Humanos ajuizaram uma ação civil pública contra a rede social LinkedIn. A petição protocolada no Foro Central Cível de São Paulo pede indenização no valor de R$ 10 milhões por dano moral e social à população negra. A petição também solicita que a empresa adote práticas antirracistas e medidas de promoção da equidade racial. “Movemos essa ação com a finalidade de proteger o modelo constitucional brasileiro, que não apenas autoriza, mas estimula a autorização de práticas e de políticas afirmativas com a finalidade de vencer a terrível barreira imposta pela desigualdade social e racial no Brasil. O LinkedIn precisa se adaptar as normas constitucionais brasileiras, porque não tem alternativa de se furtar a isso”, explica o advogado da Educafro, Márlon Jacinto Reis.

Compartilhe

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.