Document
PATROCINADORES
PATROCINADORES

OPEP+ aumentará oferta de petróleo enquanto pandemia apresenta impasse

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo e aliados (Opep +) que conter a alta dos preços dos combustíveis e não parece preocupada com este início complicado de 2022. Os 23 países que compõe o grupo decidiram nesta terça-feira (4) que aumentarão a oferta diária de petróleo cru em 400 mil barris a partir de fevereiro, seguindo um plano de recuperação gradual de produção. O alto preço da commodity é sentido pelo mercado brasileiro desde o ano anterior.

Atualmente, os barris dos tipos Brent e WTI no mercado internacional são negociados por aproximadamente US$ 80 e US$ 77,24, respectivamente. Porém, o mundo agora enfrenta o recrudescimento das mortes na pandemia, mas há o surgimento da flurona, quando um mesmo paciente contrai influenza e covid-19, da variante IHU e do aumento dos casos menos graves, mas extremamente contagiosos. Ou seja, a situação da pandemia é incerta.

A aposta da Opep + é na recuperação das atividades econômicas globais em detrimento de novas cepas, já que as grandes economias não parecem dispostas a adotar novos lockdowns enquanto suas vacinações avançam. Só nas últimas 24 horas, o mundo registrou um recorde de 2,4 milhões de novas infecções, impulsionadas pelos Estados Unidos. Pela primeira vez desde o início da pandemia, os EUA contabilizaram mais de 1 milhão de casos e 1.643 mortes no período.

Compartilhe

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.