Document
PATROCINADORES

Balança comercial de abril puxa superávit das contas externas

As contas externas fecharam o mês de abril com superávit recorde de US$ 5,66 bilhões, informou o Banco Central (BC) nesta quarta-feira (26). No mesmo mês do ano passado, o superávit foi de R$ 199 milhões.

O resultado foi puxado sobretudo pelo desempenho recorde da balança comercial, que em abril teve superávit de US$ 9,145 bilhões, resultado impulsionado pela alta recente nos preços de commodities, como minério de ferro e alimentos. Houve também aumento no ingresso de investimentos diretos do exterior, com US$ 3,54 bilhões em abril, ante US$ 1,63 bilhão no mesmo período de 2020.

O resultado positivo das contas externas em abril também foi favorecido por uma redução do déficit primário (entrada e saída de lucros e dividendos). Em abril deste ano, o saldo negativo ficou US$ 2,37 bilhões, recuo de 37,7% em relação a abril de 2020.

No acumulado

Nos 12 meses encerrados em abril, as contas externas registram déficit de US$ 12,4 bilhões, equivalente 0,84% do Produto Interno Bruto (PIB), taxa menor que os 1,23% do PIB registrados em março, quando o acumulado em 12 meses estava negativo em US$ 17,9 bilhões.

Em março de 2021, as contas externas haviam registrado déficit de US$ 3,97 bilhões. Na soma dos quatro primeiros meses do ano, o déficit é de US$ 9,717 bilhões, contra um superávit de US$ 199 milhões em igual mês de 2020.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.