PATROCINADORES

Ibovespa ensaia recuperação após queda na segunda; dólar cai

O Ibovespa opera em alta nesta terça-feira (19), um dia após recuar 1,04% e retornar ao patamar de 96 mil pontos. Às 11h26, o índice registrava avanço de 1,05%, aos 97.523 pontos, no valor mais alto da sessão até o momento – a mínima é de 96.513 pontos.

A bolsa brasileira destoa dos principais índices globais em um pregão de correção de perdas. Sem grandes novidades, o mercado amanheceu mais calmo depois de mais um dia tenso na política, com o presidente Jair Bolsonaro exonerando Gustavo Bebianno da Secretaria-Geral da Presidência e colocando o general Floriano Peixoto em seu lugar. Agora, as atenções se voltam à proposta de reforma da Previdência, que será levada por Bolsonaro ao Congresso na quarta (20).

As cinco ações mais negociadas do dia operavam em alta: preferenciais da Petrobras (1,01%), Itaúsa (2,62%), Banco do Brasil (2,56%), Vale (0,46%) e Itaú Unibanco (1,87%). Os papeis da holding de empresas como Itaú Unibanco, Alpargatas e Duratex sobem após a divulgação do balanço do quarto trimestre. O dólar comercial recuava 0,19%, negociado por R$ 3,72, depois de ter subido 0,78% na segunda.

Por que é importante

Com a crise política envolvendo Bebianno superada, os investidores voltam suas atenções à reforma da Previdência, que vai definir os rumos do mercado

Quem ganha

As ações da Cielo registravam a maior alta do dia: 3,10%, cotadas a R$ 10,99

Quem perde

As ações preferenciais da Eletrobras registravam a maior baixa do dia: 2,61%, cotadas a R$ 37,68

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × três =