Document
PATROCINADORES

“Vamos manter a linha de não intervenção”, diz Mourão

O vice-presidente Hamilton Mourão indicou que o governo brasileiro deve se posicionar contra uma possível ação militar na Venezuela. Em entrevista ao blog do Gerson Camarotti, no G1, Mourão afirmou que uma ação no país vizinho pode criar uma instabilidade na região. “Vamos manter a linha de não intervenção, acreditando na pressão diplomática e econômica para buscar uma solução. Sem aventuras”, disse o vice-presidente. Ele participa de uma reunião nesta segunda-feira (25), na Colômbia, para discutir a situação na Venezuela.

Por que é importante

Os Estados Unidos, com aval do presidente interino Juan Guaidó, devem elevar o tom contra o ditador Nicolás Maduro. Existe o risco de uma ação norte-americana na Venezuela

Quem ganha

A ala militar do governo. A fala de Mourão reforça a posição das Forças Armadas de evitar possíveis conflitos com o país vizinho

Quem perde

A população venezuelana, que quer uma saída rápida para a situação caótica do país

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.