PATROCINADORES

Temer vira réu por reforma na casa da sua filha

Michel Temer segue na mira da Justiça. O ex-presidente se tornou réu pela quarta vez neste ano, acusado pela força-tarefa da Lava Jato em São Paulo por lavagem de dinheiro em uma reforma na casa de sua filha, Maristela Temer, no valor de R$ 1,6 milhão. A denúncia foi aceita pelo juiz federal Diego Paes Moreira, da 6ª Vara Federal Criminal de SP. Além de Temer e Maristela, o Coronel Lima e sua mulher, Maria Rita Fratezi, foram denunciados pelo Ministério Público Federal (MPF). O emedebista volta a se tornar réu após ficar detido entre os dias 21 e 25 de março, acusado de se beneficiar de um esquema de corrupção envolvendo a usina nuclear de Angra 3.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.