PATROCINADORES

Suposta delação que envolveria Fux provoca alerta no STF

A coluna da Mônica Bergamo, no jornal Folha de S. Paulo, informa que os ministros do STF estão em alerta após rumores de que uma delação premiada pode atingir, ainda que indiretamente, um dos membros da Corte. A origem seria uma reportagem da edição deste fim de semana da revista Veja sobre o acordo de colaboração do empresário Jacob Barata, conhecido como o “rei do ônibus” no Rio de Janeiro. Em um anexo da delação, Barata teria relatado que um ex-assessor do ministro Luiz Fux recebeu propina para ajudar a influenciar uma decisão judicial. O caso teria ocorrido em 2011.

Por que é importante

Se confirmado, o fato envolveria pela primeira vez um integrante da mais alta instância do Judiciário brasileiro

Quem ganha

A Lava Jato, que ganharia força no embate com o Supremo

Quem perde

O STF, que ficaria com a credibilidade abalada

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.