Document
PATROCINADORES

STF votará suspensão da Copa América na quinta

Uma sessão extraordinária do Supremo Tribunal Federal (STF) irá decidir, na próxima quinta-feira (10), se o Brasil irá sediar – ou não – a Copa América de seleções. A competição deveria ocorrer na Argentina, que desistiu por causa do agravamento da pandemia. A seguir, o presidente Jair Bolsonaro e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) aceitaram os jogos, mesmo diante do risco de mais casos de covid-19, com a circulação das comissões técnicas pelas cidades-sedes: Brasília, Rio de Janeiro, Cuiabá e Goiânia.

A sessão de emergência foi solicitada pela relatora do caso, a ministra Cármen Lúcia, diante da ação impetrada pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB) e capitaneada pelo deputado federal Júlio César Delgado (MG). O presidente do STF, Luiz Fux, aceitou o pedido e o colocou na pauta. Os ministros deverão analisar a questão em até 24 horas, apresentando suas conclusões para votação em plenário até sexta-feira (11). A Copa América está prevista para começar no domingo (13), com o jogo Brasil e Venzuela, marcado para 16h, em Brasília. A competição deve ocorrer logo após um rodada de jogos classificatórios para a Copa do Mundo de 2022, no Qatar. Há descontentamento entre os jogadores da Seleção Brasileira, que preferem descansar para as eliminatórias em vez de correr riscos.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

2 respostas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.