Document
PATROCINADORES

Rejeição a Bolsonaro atinge índice recorde de 53%

A pesquisa Datafolha de popularidade política divulgada nesta quinta-feira (16) mostra o maior índice de rejeição ao presidente Jair Bolsonaro. Na primeira consulta após os atos de cunho antidemocrático de 7 de setembro, o chefe do Executivo obteve 53% de reprovação. Em julho, era 51%. Bolsonaro é avaliado como bom ou ótimo por 22%, contra 24% na pesquisa anterior, que então marcou o que era o pior índice de seu mandato. Ele é considerado regular por 24%, mesmo índice de julho.

Vale observar que Bolsonaro passou a ser mais rejeitado nas regiões Norte e Centro-Oeste (que somam 16% da amostra), onde costuma ter mais apoio e de onde são muitos dos caminhoneiros e apoiadores que ameaçaram invadir o Supremo Tribunal Federal (STF) na semana passada. Nesses lugares, a rejeição subiu de 41% para 48%, ainda abaixo da média nacional.

O Datafolha ouviu presencialmente, 3.667 pessoas com mais de 16 anos, em 190 municípios do Brasil, entre 13 e 15 de setembro,. A margem de erro é de dois pontos para mais ou menos.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.