Document
PATROCINADORES

PTB tenta atrair Bolsonaro

Enquanto o presidente Jair Bolsonaro (à esquerda) continua sem partido para disputar a reeleição de 2022, o PTB de Roberto Jefferson (à direita) se apresenta em busca de sua filiação. Os dirigentes da legenda apresentaram um convite formal ao chefe do Executivo também com a intenção de arregimentar deputados, senadores, líderes estaduais e municipais. As pretensões foram divulgadas nesta sexta-feira (8). “PTB está unido, forte, robusto e pronto para receber Bolsonaro”, afirmou o convite (anexo).

O PTB reforçou que o convite se dá por meio dos “valores inegociáveis” que ambos compartilham, como pátria, família, democracia, liberdade, Deus etc. Quem está no comando da legenda atualmente é a vice-presidente do PTB, Graciela Nienov, enquanto Jefferson está preso por causa do inquérito das milícias digitais que atentam contra a democracia. Nesse mesmo inquérito, Bolsonaro também é investigado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes.

Na hora de decidir, o presidente terá que pesar o tamanho das bancadas no Congresso dos partidos que se interessam por ele. O PTB possui dez deputados eleitos, mas não conta com senadores. Em paralelo, há uma articulação com o Progressistas, que conta com 42 deputados, sete senadores e faz parte da base de apoio ao governo. Com um partido mais robusto que o PTB, haveria uma fatia mais gorda do Fundo Eleitoral, assim como tempo de TV e rádio.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.