Document
PATROCINADORES

Posse de Flávia Arruda tem presença de condenado no Mensalão

A deputada federal Flávia Arruda (PL-DF) tomou posse nesta terça-feira (6) como ministra da Secretaria de Governo. A cerimônia reservada no Palácio do Planalto contou com a presença do presidente do PL, Valdemar Costa Neto – ex-deputado condenado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do Mensalão. Costa Neto inclusive teve destaque no evento ao sentar ao lado do presidente Jair Bolsonaro, do vice-presidente Hamilton Mourão e do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL). O dirigente político ainda foi saudado “de forma muito especial e carinhosa” pela nova ministra, segundo o jornal O Globo. Em seu discurso, Flávia Arruda destacou a importância de uma coalização parlamentar para manter a governabilidade. “A democracia contemporânea exige uma engenharia política, baseada em uma coalizão parlamentar, que permita a governabilidade do Executivo”, afirmou. Indicada pelo Centrão, com o respaldo de Lira, a deputada ganhou destaque recentemente ao presidir a Comissão Mista de Orçamento (CMO). Ela tem como principal padrinho na política o marido, José Roberto Arruda (abaixo, com a esposa), ex-governador do Distrito Federal, que chegou a ser preso na Operação Caixa de Pandora e posteriormente condenado por envolvimento no esquema de corrupção conhecido como Mensalão do DEM.

José Roberto Arruda e Flávia Arruda

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.