Document
PATROCINADORES

Parlamento Europeu aumenta pressão para Maduro deixar o poder

O Parlamento Europeu reconheceu nesta quinta-feira (31) Juan Guaidó como presidente interino da Venezuela. A decisão foi tomada para manter a pressão sobre o ditador Nicolás Maduro, que insiste em permanecer no poder. Na resolução não vinculante aprovada hoje, os parlamentares conclamaram todos os governos que integram a União Europeia a fazerem o mesmo.

Por que é importante

A Venezuela vive uma série de protestos contra o regime de Maduro. Nas últimas semanas, Juan Guaidó se autodeclarou como líder interino do país. Ele foi reconhecido por Brasil, Estados Unidos, Colômbia e diversas outras nações

Quem ganha

Guaidó, que recebe mais um importante apoio para liderar a transição na Venezuela

Quem perde

Maduro, que está cada vez mais isolado pela comunidade internacional

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.