Document
PATROCINADORES

Novo Bolsa Família é adiado por pressões do mercado e da equipe econômica

Após a reação do mercado financeiro, que fez despencar o índice Ibovespa e subir o dólar nesta tarde, o governo resolveu adiar o anúncio oficial do Auxílio Brasil, o novo Bolsa Família, que ocorreria nesta terça-feira (19). Também há sérias discordâncias por parte da equipe econômica do ministro Paulo Guedes, já que a ampliação de 14 milhões para 17 milhões de atendidos pelo programa ultrapassaria o teto de gastos se for aplicado o valor de R$ 400 (R$ 100 fora do teto).

De acordo com o blog do jornalista Valdo Cruz, no G1, se confirmado o auxílio como está desenhado, será uma vitória da ala política do governo, que tenta recuperar a imagem do presidente Jair Bolsonaro, muito desgastada pela pandemia e crise econômica. Também significaria uma derrota para o receituário de austeridade fiscal preconizado pelo ministro Paulo Guedes.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.