Document
PATROCINADORES

Bolsonaro: “Não vamos contemporizar com presidiário”

O presidente Jair Bolsonaro utilizou as redes sociais para comentar a saída da prisão do ex-presidente Lula. Sem mencionar o petista, Bolsonaro pediu aos seus apoiadores para não dar “munição ao canalha, que momentaneamente está livre, mas carregado de culpa.” Em outro post feito também neste sábado (9), o presidente escreveu o seguinte: “Somos a maioria. Não podemos cometer erros. Sem um norte e um comando, mesmo a melhor tropa se torna um bando que atira para todos os lados, inclusive nos amigos.” Mais tarde, em conversa rápida com jornalistas, Bolsonaro entrou novamente no assunto. “O povo brasileiro é honesto, trabalhador, e não vamos dar espaço e contemporizar com presidiário. Ele está solto mas está com todos os crimes dele nas costas.”

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.