Document
PATROCINADORES

Multas pagas em acordos na Lava-Jato alcançam quase R$ 1 bilhão

As multas já pagas em acordos de colaboração homologados pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no âmbito da Operação Lava-Jato  já alcançaram o valor de R$ 927,2 milhões desde 2015. O dado está em documento encaminhado pelo ministro Edson Fachin, relator dos processos da Lava-Jato no Supremo desde fevereiro de 2017, ao novo presidente da corte, o ministro Luiz Fux, que tomou posse do cargo na quinta-feira (11). No total, já foram feitos 117 acordos de colaboração das investigações da Operação no STF, aponta o relatório.

No ofício, Fachin destacou a necessidade de aprimoramento da jurisdição, como forma de fortalecer o combate à corrupção e à lavagem de dinheiro. “É possível, ao mesmo tempo, ser democrático e combater a corrupção pelo aprimoramento do sistema judicial”, afirma. O ministro também rebate os críticos da Lava-Jato ao afirmar que os trabalhos “são pautados pela legalidade constitucional” e “vão de encontro à renitente garantia da impunidade”.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.