Document
PATROCINADORES

Moraes arquiva pedido de 03 para investigar Barroso

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, barrou mais uma tentativa dos Bolsonaro na ofensiva contra a Corte ao determinar o arquivamento de um pedido do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) (imagem) para investigar o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ministro do Supremo, Luís Roberto Barroso. A decisão é de quarta-feira (25), mas só foi divulgada depois.

Em meio aos ataques do presidente Jair Bolsonaro ao sistema eleitoral, com bravatas contra as eleições de 2022, o filho 03 apresentou uma petição no âmbito do inquérito das fake news que pedia a investigação sobre supostas condutas de supressão de documento e falso testemunho atribuídas a Barroso. O magistrado é um dos principais alvos de Bolsonaro em razão de sua defesa do sistema eleitoral. O chefe do Executivo, antes mesmo de apresentar ao Senado o pedido de impeachment contra ministro Alexandre de Moraes, já havia sinalizado solicitar o de Barroso.

Ao analisar a representação, Moraes lembrou que o Judiciário tem o dever de exercer sua atividade de supervisão, evitando ou fazendo cessar toda e qualquer ilegal coação. O ministro considerou que a petição era um caso de “ausência de justa causa”.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.