PATROCINADORES

Maia tira culpa do Congresso em rebaixamento de nota

A responsabilidade pelo rebaixamento da nota de crédito da dívida do Brasil pela Standard & Poor’s não foi culpa exclusiva do Congresso Nacional, defendeu Rodrigo Maia (DEM-RJ). O presidente da Câmara indicou que as duas denúncias contra o presidente Temer (DEM) enfraqueceram o governo e atrasaram a aprovação da reforma da Previdência. Maia destacou o papel dos deputados na votação de projetos que ajudaram o país a sair da recessão e acrescentou que a avaliação da agência de rating pode contribuir para o avanço da proposta “se o governo colaborar”.

Por que é importante

A Standard & Poor's justificou sua avaliação negativa sobre o Brasil por conta da demora na implementação das reformas, principalmente a da Previdência, que poderiam reduzir os riscos fiscais do país

Quem ganha

A briga pública entre governo e o presidente da Câmara só favorece a oposição

Quem perde

A equipe econômica, que depende do Congresso para aprovação das reformas

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove − 3 =

Pergunte para a

Mônica.