Document
PATROCINADORES

Justiça concede liberdade a ex-ministro Henrique Eduardo Alves

O juiz Francisco Eduardo Guimarães Farias, da 14ª Vara da Justiça Federal no Rio Grande do Norte, concedeu nesta sexta-feira (13) liberdade provisória ao ex-ministro Henrique Eduardo Alves. O político, que cumpria prisão domiciliar, foi beneficiado pelos efeitos de uma decisão do ministro Marco Aurélio Mello, do STF, que concedeu habeas corpus ao ex-deputado Eduardo Cunha, réu no mesmo processo que Alves.

Por que é importante

Henrique Eduardo Alves é acusado de corrupção passiva e lavagem de dinheiro em investigação de desvios na construção da Arena das Dunas

Quem ganha

O ex-ministro, que responderá ao processo em liberdade

Quem perde

Eduardo Cunha. Envolvido em outros esquemas, o ex-presidente da Câmara segue preso

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.