Document
PATROCINADORES

Johnson quer se aproximar do presidente eleito nos EUA

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, minimizou as diferenças que tinha com o presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, e mostrou-se disposto a deixar o passado para trás.

Biden e Johnson trocam farpas pela imprensa internacional há muito tempo. E, cerca de um ano atrás, o americano chegou a se referir a Johnson como um “clone físico e emocional” de Donald Trump.

Ontem, o primeiro-ministro já havia parabenizado Biden e sua vice, Kamala Harris, pelo Twitter. Hoje (8), deu declarações apaziguadoras em direção ao democrata. “Há muito mais que nos une do que nos divide”, afirmou o premiê. Em relação a um detalhe, pelo menos, Johnson está falando a verdade: ele nasceu no mesmo país que Biden (Boris Johnson veio ao mundo em Nova York, no dia 19 de junho de 1964, quando seu pai estudava economia na Universidade de Columbia).

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.