PATROCINADORES

Investigação pode favorecer saída de insatisfeitos do PSL

A ação da Polícia Federal contra Luciano Bivar, deputado federal e presidente nacional do PSL, deve ser usada como argumento por parlamentares insatisfeitos que desejam deixar a sigla, mas temem perder o mandato por infidelidade partidária. A avaliação é que a investigação contra o dirigente mostra falta de transparência na administração dos recursos destinados ao partido. Se a tese for aceita, pode configurar justa causa e abrir caminho para pedidos de desfiliação sem risco de punição.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 − dois =

Pergunte para a

Mônica.