PATROCINADORES

Gilmar Mendes manda soltar ex-secretário de Cabral

O ex-secretário de Saúde do Rio de Janeiro Sérgio Côrtes será solto por uma decisão do ministro do STF Gilmar Mendes. Ele será beneficiado por um habeas corpus concedido em dezembro do ano passado ao empresário Miguel Iskin, informou o jornalista Lauro Jardim. Côrtes terá que cumprir medidas restritivas, como entregar o passaporte e recolhimento domiciliar no período noturno.

Por que é importante

Côrtes fez parte da administração Sérgio Cabral e estava preso desde abril, suspeito de participar de esquemas de corrupção no governo do Rio

Quem ganha

O ex-secretário. Em uma troca de mensagens por e-mail, ele afirmou ao empresário Miguel Iskin: "Meu chapa (...) podemos passar pouco tempo na cadeia (...) Mas nossas putarias têm que continuar"

Quem perde

Gilmar Mendes. O ministro do STF tem sofrido constrangimentos em lugares públicos por conta de suas decisões

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 + onze =

Pergunte para a

Mônica.