Document
PATROCINADORES

Fux tem a agenda do dia preenchida por incêndios institucionais

A agenda do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux (imagem), nesta quarta-feira (18), está cheia de compromissos sobre a relação tortuosa entre o Judiciário e o Executivo. Mais cedo, o magistrado se encontrou com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), que afirmou que a democracia no país não pode ser questionada como vem sendo. Sem citar o presidente Jair Bolsonaro diretamente, Pacheco afirmou faltar maturidade entre os homens públicos na hora de se sentarem à mesa. Fux não deu declarações após o encontro.

Enquanto há uma descompressão na Câmara dos Deputados após a queda da proposta (PEC 135/19), do voto impresso, o Senado precisa lidar com os processos de impeachment encaminhados contra os ministros Luís Roberto Barroso e Alexandre de Moraes por Bolsonaro. Em coletiva, Pacheco afirmou que esse tipo de processo não pode ser banalizado por falta de concordância sobre uma decisão de outro Poder.

Chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira atua como bombeiro político

Fux tem outro encontro nesta quarta com o ministro-chefe da Casa Civil, o senador licenciado Ciro Nogueira (PP-PI). Recém-empossado, Nogueira precisa lidar com a agenda econômica e a melhora do trânsito do governo com o Congresso. Líder do Centrão, bloco de sustentação do governo, ele é o encarregado de apagar os incêndios criados por Bolsonaro com o Judiciário e o Legislativo.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.