PATROCINADORES

Filhos de Bolsonaro falam em perseguição após Facebook derrubar rede de fake news

O senador Flávio Bolsonaro e o deputado federal Eduardo Bolsonaro reagiram ao anúncio feito pelo Facebook de banir páginas, grupos e perfis que disseminavam notícias falsas. Segundo uma apuração feita pela rede social, o conteúdo era abastecido por assessores dos dois parlamentares e também por funcionários ligados ao presidente Jair Bolsonaro. No Twitter, Flávio chamou o ato de “censura” e prometeu divulgar os novos perfis das contas que foram barradas. Já Eduardo falou em perseguição a perfis de direita.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove + três =