PATROCINADORES

Ex-prefeito Haddad é indiciado por caixa dois

A Polícia Federal indiciou o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) pelo crime de falsidade ideológica (caixa dois). O empreiteiro Ricardo Pessoa, da UTC, em delação premiada homologada pelo STF, relatou ter pago a uma gráfica uma despesa de R$ 2,6 milhões da campanha de Haddad à prefeitura da capital paulista em 2012. Além do ex-prefeito, o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto, preso em Curitiba, e mais cinco pessoas também foram indiciadas.

Por que é importante

Mesmo tendo perdido a prefeitura de São Paulo para João Doria (PSDB), Haddad é um dos políticos mais influentes do PT

Quem ganha

Os possíveis adversários do petista nas eleições de outubro, já que ele é cotado para concorrer ao governo ou ao Senado

Quem perde

Haddad também é apontado como eventual substituto de Lula na disputa pelo Planalto caso a candidatura do ex-presidente seja impugnada

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − doze =

Pergunte para a

Mônica.