PATROCINADORES

Esquema de corrupção fez preço de pedágio disparar no PR

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (22) a 48ª fase da Operação Lava Jato, batizada de Integração, que investiga um esquema de corrupção na concessão de rodovias no Paraná. Uma das consequências do conluio criminoso foi a disparada do preço de pedágio em estradas do norte do Estado. “As tarifas pagas pelo usuário foram elevadas a valores estratosféricos”, observou o MPF. Ao todo, a PF cumpriu seis mandados de prisão temporária e cinquenta e cinco de busca e apreensão. Entre os envolvidos estão o atual diretor do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) do Paraná, Nelson Leal Junior, e o assessor da Casa Civil do governo local Carlos Nasser.

Por que é importante

A investigação apura desvios de pelo menos R$ 63 milhões

Quem ganha

O MPF indicou que deve expandir o caso para outras concessionárias que atuam no Paraná

Quem perde

Os usuários das estradas administradas pelas empresas investigadas

Compartilhe

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.