Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

Em novo pronunciamento, Bolsonaro diz que coronavírus é “realidade”

Em novo pronunciamento, Bolsonaro diz que coronavírus é “realidade”

O presidente Jair Bolsonaro fez um novo pronunciamento em rede nacional nesta terça-feira (31). Pela primeira vez desde a crise do coronavírus, Bolsonaro admitiu que a pandemia “é uma realidade.”

No pronunciamento, Bolsonaro mudou o tom adotado em discursos anteriores em relação ao coronavírus, chamado por ele em diversas ocasiões de “gripezinha”. Nesta terça, o presidente disse que “estamos diante do maior desafio da nossa geração”.

O presidente também afirmou que “não existe remédio com eficiência comprovada” contra a doença causada pelo coronavírus, apesar de haver estudos promissores com a cloroquina. Em ocasiões anteriores, Bolsonaro chegou a dizer que a cloroquina era a cura para o coronavírus.

O presidente voltou a fazer referências à declaração do diretor-geral da OMS (Organização Mundial da Saúde), Tedros Adhanom Ghebreyesus, para embasar seu discurso de equiparação do salvamento de empregos ao de vidas diante da pandemia do coronavírus.

“Temos uma missão: salvar vidas sem deixar para trás os empregos. Por outro, temos que combater o desemprego. Vamos cumprir esta missão ao mesmo tempo que cuidamos da saúde das pessoas”, disse Bolsonaro no pronunciamento em cadeia nacional de rádio e TV.

O presidente brasileiro, porém, tirou de contexto a fala de Tedros Ghebreyesu. A frase completa de Tedros é:

“Cada indivíduo é importante, cada indivíduo é afetado pelas nossas ações. Qualquer país pode ter trabalhadores que precisam trabalhar para ter o pão de cada dia. Isso precisa ser levado em conta”.

Envie seu comentário

4 × 4 =