Document
PATROCINADORES

Doação para testes de covid foi repassada para programa de Michelle

O jornal Folha de S. Paulo destaca nesta quinta-feira (1) que R$ 7,5 milhões doados pela Marfrig, que seriam destinados especificamente para a compra de testes rápidos da covid-19, foram repassados pelo governo para turbinar o programa Pátria Voluntária, liderado pela primeira-dama, Michelle Bolsonaro. O anúncio da contribuição de uma das maiores processadoras de carne bovina do mundo foi feito em 23 de março, quando o Ministério da Saúde iniciava o enfrentamento à pandemia e o país enfrentava dificuldades para comprar o material. A companhia informou à reportagem que foi consultada dois meses depois pela Casa Civil e concordou com a possibilidade de a verba ser usada não mais nos testes, mas em outras ações para minimizar efeitos socioeconômicos da crise. A doação então foi transferida para o projeto Arrecadação Solidária, vinculado ao Pátria, e teria financiado a compra e a distribuição de cestas básicas. A Folha aponta ainda que os R$ 7,5 milhões da Marfrig representam quase 70% da arrecadação do programa até agora — R$ 10,9 milhões.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.