Document
PATROCINADORES

Defesa de Lula quer anular condenação no caso do tríplex

Os advogados do ex-presidente Lula (PT) entraram na segunda-feira (25) com um recurso no STJ para que a condenação dele no caso do tríplex do Guarujá (SP) seja anulada e o processo seja reiniciado e enviado à Justiça Eleitoral. O pedido foi baseado na recente decisão do STF de que crimes eleitorais, como caixa dois, conexos com crimes comuns, como corrupção, devem ser analisados pela Justiça Eleitoral e não pela Justiça Federal, como foi a ação que levou o petista para a cadeia. A defesa de Lula alega que a denúncia do MPF cita que a propina usada na reforma e na reserva do apartamento saiu de um caixa do PT mantido pela empreiteira OAS e que também abasteceu campanhas eleitorais do partido.

Por que é importante

O ex-presidente Lula cumpre pena de 12 anos e 1 mês de prisão em regime fechado no caso

Quem ganha

A defesa do petista, que vê na decisão do STF uma brecha para libertá-lo

Quem perde

A Lava Jato. Outras condenações devem ser contestadas após o entendimento do Supremo

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.