PATROCINADORES

Davati tentou aplicar golpe no Canadá com doses da AstraZeneca, denuncia Veja

A Davati Medical Supply tentou vender doses da vacina Covishield para grupos indígenas canadenses sem autorização da farmacêutica AstraZeneca. O negócio de US$ 21 milhões (US$ 3,50 por dose) ocorreu no início de 2021 e começou a ser investigado pelas autoridades canadenses e pela empresa. A denúncia foi publicada no site da revista Veja, nesta quarta-feira (30).

No Brasil, o representante da Davati denunciou o diretor de Logística do Ministério da Saúde, Roberto Ferreira Dias, por pedir propina de US$ 1 por dose da AstraZeneca, conforme reportagem do jornal Folha de S.Paulo, na terça-feira (29). A AstraZeneca afirma que não opera com intermediários e, no caso de imunizantes contra a covid, negocia exclusivamente com governos e órgãos internacionais, como a Organização Mundial da Saúde (OMS), assim como Pfizer, Janssen e Instituto Butantan.

Compartilhe

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.