PATROCINADORES

Chefe da OMS no Brasil diz que não há motivo para pânico

Em entrevista à GloboNews, a chefe da Organização Mundial de Saúde (OMS) no Brasil, Socorro Gross, disse na quinta-feira (27) que as autoridades do país estão tomando as medidas necessárias para monitorar e controlar o avanço do novo coronavírus no país. Socorro indicou que o momento é de cautela e pediu calma à população.

“Não há motivo para pânico. As pessoas ficam ansiosas e é normal. É normal que nós, como seres humanos, quando acontece algo novo, fiquemos com dúvidas e, ficando com dúvidas, podemos ter pânico”, afirmou.

“Mas esse vírus, que é novo, nós conhecemos mais que outros vírus, conhecemos mais informação, temos mais pesquisa, temos mais informação da transmissão, do tratamento, de quantos casos podem ser severos, de quais são as populações que são mais afetadas”, acrescentou.

O primeiro caso brasileiro, de um homem de 61 anos que retornou recentemente da Itália, foi confirmado na última terça-feira (25). O Ministério da Saúde informou na quinta-feira (27) que monitora outros 132 casos suspeitos.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.