PATROCINADORES

CEO da Roche alerta para testes inseguros de covid

Em teleconferência com jornalistas nesta quarta-feira (21), Severin Schwan, presidente-executivo da Roche, lançou um alerta para os riscos da repentina aquisição em massa de testes para detecção de anticorpos de coronavírus. Para ele, haveria o risco de falso positivo em muitos dos kits que estão surgindo no mercado, o que representaria uma ameaça à saúde pública, já que serviriam para determinar se alguém desenvolveu imunidade e está seguro.

De acordo com Schwan, a Roche analisou parte dos mais de 100 produtos disponíveis. “É um desastre. Esses testes não valem nada ou têm muito pouco uso ”, disse. Questionado, o executivo não especificou quais materiais foram estudados. Ele declarou que não se referiu a nenhuma empresa solidamente estabelecida, mas a produtos de oportunidade lançados na esteira da pandemia.

Há uma grande expetativa sobre esses exames, já que poderão guiar as regras para reabertura das economias e garantir a segurança de profissionais de saúde. A Roche possui dois tipos de testes para covid-19. O que determina se alguém está infectado usa amostras de secreções nasais colhidas com hastes de algodão, já o de anticorpos exige uma amostra de sangue colhida por um enfermeiro treinado.



Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.