PATROCINADORES

Câmara aprova redução de ministérios e tira Coaf de Moro

O plenário da Câmara aprovou na noite de quarta-feira (22) a MP 807, que reduziu o número de ministérios no governo Jair Bolsonaro (PSL) de 29 para 22. Os deputados rejeitaram a recriação das pastas do Trabalho e da Cultura e mantiveram a fusão dos antigos ministérios da Integração Nacional e das Cidades no Ministério do Desenvolvimento Regional. Na votação dos destaques, a Câmara contrariou o desejo do governo e tirou o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) do Ministério da Justiça, de Sergio Moro, e transferiu a competência para o Ministério da Economia, de Paulo Guedes.

Por que é importante

A MP 807, da reforma administrativa, precisa ser votada no Senado até 3 de junho para não perder a validade

Quem ganha

A equipe econômica. A recriação de ministérios geraria custos extras com a administração pública

Quem perde

O ministro Sergio Moro, que fez articulações para manter o Coaf na pasta da Justiça

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 − treze =