PATROCINADORES

Bolsonaro vai ouvir ministros sobre projeto de abuso de autoridade

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) disse na quinta-feira (15) que vai ouvir seus ministro nos próximos dias antes de decidir se veta trechos do projeto de lei sobre abuso de autoridade aprovado nesta semana na Câmara.

“(O projeto) vai chegar na minha mesa semana que vem. Os ministros vão, cada um, dar sua opinião, sua sugestão de sanção e alguns vetos. E vamos tomar a decisão de forma bastante tranquila e serena”, comentou.

Perguntado sobre sua opinião a respeito do tema, Bolsonaro concordou que há casos de abuso de autoridade, mas que as investigações não podem ser afetadas.

“Logicamente, você não pode cercear os trabalhos das instituições, não pode cercear. Mas a pessoa tem que ter responsabilidade quando faz algo, que é dever teu, mas tem que fazer baseado na lei. Tem que fazer o que tem que ser feito de acordo com a lei”, completou.

Por que é importante

A matéria aprovada na Câmara define quais situações configuram abuso de autoridade

Quem ganha

Os políticos. A principal crítica é que a proposta pode atrapalhar o andamento de investigações contra eles

Quem perde

Policiais e procuradores, que podem ser punidos com mais rigor por eventuais excessos

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.