PATROCINADORES

Bolsonaro rebate críticas de Macron: “mentalidade colonialista”

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) reagiu às críticas do presidente da França, Emmanuel Macron, e afirmou que a postura dele sobre a Amazônia “evoca mentalidade colonialista descabida no século 21”. No Twitter, Macron repercutiu os incêndios na floresta brasileira e convocou os líderes do G7 – grupo dos mais ricos do mundo – para um debate sobre o tema.

“Nossa casa está queimando. Literalmente. A Floresta Amazônica – os pulmões que produzem 20% do oxigênio do nosso planeta – está em chamas. É uma crise internacional. Membros da Cúpula do G7, vamos discutir em dois dias este tema emergencial!”, publicou o francês, provocando a reação de Bolsonaro.

“Lamento que o presidente Macron busque instrumentalizar uma questão interna do Brasil e de outros países amazônicos p/ ganhos políticos pessoais. O tom sensacionalista com que se refere à Amazônia (apelando até p/ fotos falsas) não contribui em nada para a solução do problema. O governo brasileiro segue aberto ao diálogo, com base em dados objetivos e no respeito mútuo. A sugestão do presidente francês, de que assuntos amazônicos sejam discutidos no G7 sem a participação dos países da região, evoca mentalidade colonialista descabida no século 21”, escreveu Bolsonaro.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − 8 =

Pergunte para a

Mônica.