PATROCINADORES

Bolsonaro ironiza governadores e volta a minimizar pandemia

O presidente Jair Bolsonaro desafiou novamente os governadores que defendem o isolamento social como medida para combater a pandemia do novo coronavírus. Em conversa com apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada, Bolsonaro tratou o caso com ironia. “Eu fui em Ceilândia e Taguatinga domingo passado, fui massacrado pela mídia. Não fui passear em lugar nenhum, fui ver o povo lá. Duvido que um cara desses, um governador desses, um Doria (SP) da vida, um Moisés (SC) vai no meio do povo. Não vai”, declarou. “E algumas outras autoridades que me criticam aí. Vai lá conversar com o povo. A justificativa é ‘ai, não vou porque eu posso pegar’. Tá com medinho de pegar vírus, é?”, confrontou. O presidente voltou a dizer que a doença “não é tudo isso que estão pintando” e afirmou que não tem conhecimento de “qualquer hospital que esteja lotado”.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.