Document
PATROCINADORES

Bolsonaro chama ministros para discutir situação na Venezuela

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) convocou uma reunião nesta terça-feira (30) para discutir a situação na Venezuela. O país vive um novo dia de tensão depois que Juan Guaidó, líder da oposição e autoproclamado presidente venezuelano, disse ter obtido apoio dos militares para derrubar o ditador Nicolás Maduro. Devem participar da reunião no Palácio do Planalto os ministros das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, da Defesa, Fernando Azevedo, e do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno; além do vice-presidente, Hamilton Mourão.

Por que é importante

Até o momento, o Brasil defende um processo de transição democrática na Venezuela, sem intervenção externa

Quem ganha

Juan Guaidó, que é reconhecido pelo governo brasileiro como presidente do país vizinho

Quem perde

Nicolás Maduro. Sem apoio militar, a ditadura dele pode estar perto do fim

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.