PATROCINADORES

Atos da oposição estão proibidos em SP no 7 de Setembro

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), disse que não irá autorizar a realização de manifestações contra o presidente Jair Bolsonaro no feriado nacional de 7 de setembro. A decisão foi tomada em conjunto com a Secretaria da Segurança Pública do Estado. Há temor de confronto, já que os apoiadores do presidente há semanas organizam uma série de manifestações em todo o país. 

“A Secretaria de Segurança Pública tomou a decisão, no Conselho de Segurança Pública, de administrar as duas manifestações, respeitando ambas. As manifestações são democráticas […]. Só não há conveniência de que grupos antagonistas se manifestem no mesmo dia, ainda que em locais diferentes”, disse o governador. As passeatas a favor do Bolsonaro são vistas como atos eleitorais antecipados, mas de difícil caracterização pela Justiça. As manifestações contrárias não estão limitadas em outras capitais (imagem).

Compartilhe

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.