PATROCINADORES

Aras quer investigar evento que apoiou golpe militar

Segundo o jornal O Globo, o procurador-geral da República, Augusto Aras, solicitou hoje ao Supremo Tribunal Federal a abertura de inquérito para apurar uma eventual participação de parlamentares no ato realizado no domingo, em Brasília, que pediu o fechamento do Congresso e do STF.

O evento, que contou com a participação do presidente Jair Bolsonaro, teve manifestantes que pediam a intervenção militar no governo. O presidente, apesar de estar presente, disse aos participantes: “Aqui não tem de fechar nada. (…) Aqui é democracia. Aqui é respeito à Constituição Brasileira”.

O inquérito correrá em sigilo. “O Estado Brasileiro admite única ideologia que a do regime da democracia participativa. Qualquer atentado à democracia afronta a Constituição e a Lei de Segurança Nacional”, afirmou Aras.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete − 2 =

Pergunte para a

Mônica.